Top Redes Sociais: Prós e Contras

Top Redes Sociais: Onde a sua Empresa deve estar e porquê

Hoje em dia para compreendermos realmente a importância da internet para a população em geral e para as empresas, temos sempre de incluir as redes sociais.

Não há nenhum tipo de plataforma ou tendência online que tenha apresentado um maior Boom de utilização, no mundo ou em Portugal.

Sabendo isto é importante ter conhecimento de duas coisas essenciais:

  1. Para que é que cada rede social serve?
  2. Quem é que lá está?

Nem todas as redes sociais servem para o mesmo. Existem diferenças que poderem delinear a separação entre o sucesso e o falhanço. Por isso, antes de mais, as empresas que querem marcar presença nas redes sociais,  devem conhecer as características das principais redes sociais utilizadas em Portugal!

Se as redes sociais fossem uma refeição eram..

De uma maneira resumida, se tivéssemos todas as redes sociais ‘à mesa’ a coisa explicava-se da seguinte forma:

O Facebook é um jantar festivo – Daqueles que  tem um banquete para alimentar muita gente, pois os convidados são muitos, e no menu há de tudo um pouco. durante horas a fio, comem-se entradas, pratos variados, doces e ainda há tempo para a ceia.  Os pratos não são ao gosto de todos mas há sempre algum que é o rei da festa e que toda a gente quer a receita!

O Twiiter é o lanche rápido ou Fast-Food – À hora do lanche ou horário de almoço reduzido não há tempo para muito, mas o que se come é essencial e para desanuviar e fazer uma pausa de trabalho. Normalmente o lanche é no café do costume, onde a maior parte das pessoas à volta são meros conhecidos, mas que com o tempo passamos a conhecer melhor.

O Google + é o menu vegetariano – Não é para todos! Uns são totalmente vegetarianos e é o prato do dia, outros gostam de experimentar e de vez em quando viram ‘veggies’. Normalmente não gostam da misturadas de ‘jantares festivos facebookinaos’ prejudiciais à saúde.

O LinkedIn  é o Menu do Chef  ou ‘signature dish’ – Aquele prato infalível que toda a gente sabe que aquela pessoa é expert a fazer.  Existem muitas a tentar fazer o mesmo, mas sempre com alguns ingredientes que se diferenciam. O ideal é saber ser o melhor no seu prato de assinatura, mas saber o que se passa no mundo dos outros ‘chefs’, para estar sempre a par de novas receitas.

Esta é uma prespectiva explicada de um modo mais casual, do ponto de vista de utilização, mas a verdade é que indo mais fundo, a uma prespectiva de negócio, existem vários prós e contras a serem considerados pelas Empresas em cada uma das principais redes acima referidas.

Top Redes Sociais: a Perspectiva Empresarial

Até as refeições tem elementos bons e maus. No que toca as empresas e a sua presença nas redes sociais, mais do que estar numa rede há que se saber em que rede estar e como. Conheçam aqui os Prós e Contras das Top Redes Sociais (Facebook, Twitter, Google+ e LinkedIn) numa Perspectiva Empresarial:

 Top Redes Sociais Pros e Contras

Quando os números também falam ‘Socialês’

Tudo o que foi mencionado acima é a realidade de algumas das Top Redes Sociais em Portugal, mas mais do comprovar isso com palavras, consegue-se comprovar com números e estatísticas dos últimos anos.  São estes os números que as empresas não devem ignorar, pois cada valor representa uma oportunidade de negócio para as empresas nas redes sociais:

  • Número de utilizadores de Redes Sociais em Portugal
  • % de utilizadores do Facebook em Portugal
  • % de pessoas que seguem marcas nas redes sociais
  • % de pessoas que já realizaram compras em redes sociais
  • % das empresas portuguesas que utilizam as redes sociais para ligação com clientes
  • % de empresas que promovem os seus sites em redes sociais

Top Redes Sociais Estatísticas

Se ainda não lhe conseguimos abrir o apetite com pratos ou números chave, e ainda não pensa em marcar a sua presença nas redes sociais fique atento aos próximos artigos em que falaremos mais sobre o papel das redes socais no tecido empresarial online português.

De qualquer modo, com mais ou menos cepticismo sobre a sua presença nestes meios controversos, uma coisa é certa, as redes sociais vieram para ficar e cada vez mais a interacção entre empresas e clientes é realizada nestas plataformas.

 

Leave a Reply